Menu fechado

Você sabe o que é NT-ProBNP?

Mesmo não sendo muito comum ouvir este termo por aí, saber o que é o NT-ProBNP tem uma importância grande para nossa saúde.

Principalmente para pessoas que possuem problemas relacionados ao coração.

Então, para ficar melhor informado, leia este post para saber mais sobre o assunto.

Assim, você vai saber o que deve fazer e da importância que o NT-ProBNP tem na sua vida.

Primeiro de tudo: o que é NT-ProBNP?

Para entender o que é NT-ProBNP é preciso saber o que é “cardiopatia”, já que há uma ligação direta entre as duas palavras.

Cardiopatia é um termo médico que engloba qualquer tipo de doença relacionada ao coração.

E por conta da diversidade de doenças, existe diversas categorias de cardiopatia como:

  • Cardiopatia hipertensiva
  • Cardiopatia isquêmica
  • Cardiopatia congênita
  • Cardiopatia de válvulas
  • Cardiomiopatia dilatada
  • Doenças no miocárdio
  • Infecção no coração

Por fim, a fase final de qualquer cardiopatia é caracterizada pela insuficiência cardíaca, que faz com que o coração não consiga mais bombear a quantidade de sangue necessária para o restante do corpo.

E a NT-ProBNP serve para indicar o grau dessa insuficiência. Trata-se da junção da dosagem plasmática do peptídeo natriurético tipo B (BNP) e a do fragmento N-terminal do peptídeo natriurético tipo B (NT-ProBNP).

BNP

“O peptídeo natriurético do tipo B (BNP) é um hormônio liberado pelos ventrículos sempre que o coração sofre agressão, seja ela crônica ou aguda, na tentativa de compensar os sistemas vasoconstritores que são ativados nessas situações.

O BNP apresenta um importante valor preditivo negativo para excluir diagnóstico de insuficiência cardíaca (IC) em pacientes com dispneia aguda e tem grande valor prognóstico não só no contexto da IC, mas em uma gama de situações cardiovasculares, inclusive na população em geral, em indivíduos assintomáticos.

O BNP tem meia-vida curta, sendo, portanto, uma molécula mais dinâmica, sofrendo menos influência da função renal e com valores de cortes independentemente da idade, o que facilita sua interpretação quando comparada com a molécula NT-proBNP. […]”

Fonte: labnetwork.

Para analisar este hormônio, é preciso de uma amostra de sangue, que ao mesmo tempo, também consegue medir a concentração sanguínea do NT-ProBNP, para detectar e avaliar a insuficiência cardíaca.

Conhecendo um pouco mais sobre a Insuficiência cardíaca

Geralmente a insuficiência cardíaca é uma doença que acompanha nosso coração por um longo prazo, e pode afetar somente um lado do coração, mesmo assim ambos os lados são afetados conforme o tempo for passando.

Como falamos anteriormente, a insuficiência é resultado da falta de bombeamento do sangue necessários para os órgãos do corpo humano; devido a este acontecimento, o sangue precisa ir para algum lugar, podendo ficar acumulado em outras áreas do corpo como: pulmões, fígado, braços, etc.

Essa doença também é dividia em dois principais tipos:

  • Insuficiência cardíaca sistólica: Esse tipo de insuficiência é causado pelo não bombeamento correto de sangue pelo coração, resultando da má circulação e acúmulo do sangue.
  • Insuficiência cardíaca diastólica: Nesse caso o coração está muito rígido, e o sangue não consegue percorrer/adentrá-lo com facilidade. Resultando no não bombeamento para o restante dos órgãos.

Como essa é uma complicação que acompanha a pessoas por um longo prazo, seus sintomas começam devagar, os principais são caracterizados por problemas respiratórios.

Os problemas mais comuns são:

  • Tosse
  • Falta de ar na atividade física
  • Inchaço dos pés e tornozelos
  • Pulso irregular
  • Fadiga elevada
  • Diminuição da atenção ou concentração
  • Redução do volume de urina

Existem diversos exames que podem ser feitos para identificar a doença, e certamente o BNP e NT-ProBNP é uma das principais!

Mantenha uma rotina de exames!

É muito importante, como você pode perceber pelo texto, que haja uma rotina constante de acompanhamento médico.

Assim, você evita não só a insuficiência cardíaca, mas também outros tipos de doenças que podem se desenvolver ao longo do tempo.

A melhor maneira de realizar os exames é com a ajuda de um laboratório que está totalmente preparado para atender às suas necessidades.

Existem muitos laboratórios que utilizam tecnologias consideradas ultrapassadas, além de produtos de baixa qualidade.

Por isso, nós do Laboratórios Biovida, trabalhamos com um corpo clínico altamente qualificado e atendimento personalizado!

Nós possuímos uma equipe capacitada e sistemas de equipamentos de alta qualidade e precisão.

Controle de qualidade é um dos nosso principais valores, nós garantimos a excelência nos exames e a segurança dos resultados.

O Laboratório Biovida se preocupa com o seu bem estar.

Confira outros posts do Blog Biovida e fique sempre bom informado:

Confira Também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *